Barriga: Globo News e o helicóptero que virou o avião de Eduardo Campos

Dewey-defeats-Truman-e1352176800442

Uma das partes mais fascinantes de viver no futuro é que tomamos conhecimento dos fatos no momento em que acontecem. Até inventarem DeLoreans, é o máximo de imediatismo que conseguiremos, a não ser que você acredite no Jucelino da Luz, se bem que mesmo ele só profetiza depois do fato ocorrido.

O lado ruim é que quando algo acontece nos primeiros minutos a desinformação é MUITO grande. A velha mídia não tem a agilidade que a Internet exige, as assessorias não estão acostumadas e responder perguntas na hora, e o que era normal, uma matéria levar horas pra ficar pronta, não funciona mais.

Para contornar isso o jornalismo tradicional passou a usar material fornecido pelos leitores, o que é ótimo mas exige algo que o jornalista tradicional não tem: Maldade. Partem do princípio que o sujeito enviando o material está bem-intencionado, e na Internet não funciona assim.

Mui corretamente a GloboNews veiculou que uma AERONAVE havia caído sobre uma academia de ginástica em Santos. Na Internet falava-se de helicóptero, sem confirmação também.

Quando surgiu a informação, via Reuters que o candidato Eduardo Campos estaria a bordo, e que a aeronave seria um avião, surgiu um certo desentendimento, pois a própria GloboNews havia veiculado uma imagem do local, enviada por um internauta:

barrigadaglobo

Aqui o vídeo:

Como a aeronave em questão era um Cessna Citation  560XL, a menos que fosse um transformer, não faz sentido. Sem falar que o helicóptero é claramente militar.

Pra piorar um leitor no Twitter comentou que o avião bateu em um helicóptero, e mostrou a imagem mostrada na Globo News. Será? Uma colisão desse tipo é MUITO, MUITO rara.

Vamos brincar de detetives, usar um pouco de Google Fu e mostrar como a GloboNews poderia ter evitado uma barriga dessas, se os estagiários estivessem adestrados no uso de Sites de Busca.

Colocando a imagem no Google, e comandando uma busca pela mesma ou assemelhados, chegamos a um resultado nulo. EXATAMENTE a mesma imagem não existe, mas assemelhadas, há. O suficiente para o Google sugerir uma query de busca: Crash Taiwan

 

globo1

Bingo!

 

Cliquemos em imagens semelhantes. Achamos várias, inclusive… esta:

 

globo2

Clicando no site de origem, descobrimos que é um helicóptero de ataque Apache, que bateu em um prédio em Taiwan no dia 25 de Abril de 2014.

Tempo total de apuração? Menos de um minuto. Faz diferença, mesmo em tempos de Internet, esperar um minuto para confirmar a autenticidade, mesmo em um esquema de dúvida razoável, antes de exibir para milhões de pessoas? Eu acho que não. E mesmo se fizesse, é uma questão de compromisso com a verdade. Um acidente desses é importante demais para um babaca de internet huehuehue trolador ganhar espaço.

Em uma das grandes cenas de The Newsroom dramatizam o atentado que a deputada americana Gabrielle Giffords sofreu, quando um idiota invadiu um encontro que ela fazia com eleitores e a acertou com um tiro na cabeça, em 8 de Janeiro de 2011. Levada para o hospital em estado gravíssimo, ela se segurava à vida por um fio, ao mesmo tempo em que as redes de TV corriam para dar a notícia.

CNN, Fox e MSNBC anunciaram a morte dela.

Na série há toda uma briga pois a ACN, a emissora fictícia de Wil McAvoy não noticiava a morte. Um dos produtores exige que a notícia seja dada, afinal as 3 outras redes já haviam passado a informação.

Outro produtor se recusa de diz:  “é uma pessoa. Quem tem que dizer que ela morreu é um médico, não os noticiários”

Eles esperam e no último momento conseguem uma fonte do hospital informando que Gabrielle sobreviveu à cirurgia.

A cena, é linda, pode ser assistida neste link aqui.

Claro que não tenho pretensão de imaginar que o jornalismo de verdade é como a versão romantizada de The Newsroom, mas seria pedir demais que as pessoas que se comprometem a nos informar sejam pelo menos tão cuidadosas quando um blogueiro idiota que mal ou bem sabe usar o Google?

Agradecimentos ao Fábio Guimarães pela dica.

 

Leia Também:

  • Mas que gente quadrada… Merecia um "let me google that for you"

  • Excelente matéria! Como a imprensa está pessimamente preparada para lidar com as informações!

  • Obrigado por lembrar desta belíssima cena de The Newsroom. Uma pena que veremos a última temporada desta série que poderia romantizar acontecimentos reais por muito tempo

  • O repórter da Globo News chegou a falar que o avião teria batido num helicóptero mas isso ao vivo, pouco tempo depois do acontecido. Provavelmente alimentaram o cara com informação errada e aí ferrou, se deu na TV é verdade.

  • Saulo Benigno

    Que cena sensacional do seriado…

  • Hector

    Cardoso, acabei de ler esse excelente post sobre a queda do avião, dá uma lida http://www.avioesemusicas.com/o-acidente-com-edua

  • Marco Fernandes

    Hard News é traíra…

  • Sergio
  • Uma dica aos amigos leitores: se assistirem o seriado The Newsroom, preparem-se para muita revolta ao assistir qualquer noticiário. O seriado é magnífico, mas mostra como "a mídia" se corrompe facilmente por alguns pontinhos de IBOPE.

  • Maurico Paz

    Saudades, Newsroom, saudades…