dfgdfg

Tirem suas mãos nojentas da princesa da minha infância!

boob-grab-star-wars-carrie-fisher-Chewbacca-princess-leia-hd-934x

Em um longínquo dia de 1977 eu me sentei em uma das duras cadeiras de madeira sem estofamento do Cine Paz, para ver um filme que só conhecia pelo nome, “Guerra nas Estrelas”, mas quando você tem oito anos de idade, isso basta.

Embalado pela magnífica música de John Williams acompanhei o letreiro,  que eu era jovem demais para perceber ser uma referência direta a Flash Gordon. Nele o primeiro nome mencionado é de uma tal Princesa Leia. 

vlcsnap-00004

Poxa, princesas são coisas de menina, só servem pra atrapalhar e ser resgatadas. Eu quero navinhas pew pew pew.

Eis que uma moça bonita em um vestido branco aparece comandando um robô. Uma princesa que mexe com robôs? hummm

vlcsnap-00005A nave da princesa é capturada pela mais incrível nave que já vi no cinema, aquele imenso e interminável Star Destroyer. Robôs malvados (levei ANOS pra aprender que os Stormtroopers eram clones) invadem e capturam os humanos. Um personagem muito malvado, todo de preto e com voz sinistra manda vasculharem tudo.
vlcsnap-00007

Mesmo com a nave dominada a princesa, com um blaster na mão se recusava a aceitar derrota. Antes de ser capturada ela ainda conseguiu matar um dos stormtroopers.vlcsnap-00009

Cercada de stormtroopers ela permanece altiva, mesmo quando levada à presença de Darth Vader. vlcsnap-00011 Ele a acusa de contrabandear informações para a Aliança Rebelde. Mesmo sendo verdade ela não se intimida, defende até o fim que é uma Senadora da República e aquela é uma nave consular.

 

A diferença de tamanho entre os dois acentuou a firmeza dela.

vlcsnap-00012 Já na Estrela da Morte, Leia é interrogada por Vader. Interrogada E torturada, em uma das cenas mais assustadoras para mim, que sempre odiei injeção.

 

Mesmo com os poderes de um Lord Sith e a tortura do Império, Leia não é derrotada.

vlcsnap-00013Leia é levada até o comandante da Estação, Grand Moff Tarkin, e também não se intimida. “reconheci seu fedor”.

Ela finalmente cede quando eleameaça destruir Alderaan, planeta-natal (ok, adotivo) da Princesa Leia caso ela não revele a localização da base rebelde.

Depois que Leia finalmente fala, Alderaan é destruído mesmo assim, mas ainda não sabem que ela deu a localização de uma base antiga, em Dantooine, já abandonada.

A princesa é enviada para a cela e fica aguardando execução. Enquanto isso Luke, Chewie e Obi-Wan, que estavam a caminho de Alderaan e vão parar na Estrela da Morte descobrem que a princesa está lá também, e tentam salvá-la.vlcsnap-00014Leia, a Princesa em Perigo assim que vê Luke entrando em sua cela sem pensar duas vezes solta a farpa “Você não é baixinho demais pra um stormtrooper?”

Ele revela ser Luke Skywalker e estar ali para salvá-la. Ela não se impressiona.
vlcsnap-00017Quando começam a fuga atrapalhada Leia percebe que precisa assumir o comando, e o faz, para contrariedade de Han Solo. Encurralados ela arranca o blaster da mão de Luke, dispara contra os soldados do Império, atira na porta da escotilha de lixo e assim conseguem fugir.

vlcsnap-00018Quando se dividem e Luke e Leia ficam presos na passarela, Leia dá cobertura, matando vários stormtroopers enquanto Luke lança seu gancho para saltarem o vão. O clássico beijo “pra dar sorte” é iniciativa dela. vlcsnap-00020

Depois disso eles conseguem fugir, Leia entrega os planos da Estrela da Morte, que é destruída e todos viram Heróis do Dia, condecorados pela maior autoridade presente, a Princesa.vlcsnap-00021No Império Contra-Ataca Leia e Han estão em processo de flerte, e ele não gosta muito quando ela obra e anda pras ameaças “eu vou embora”.  Mesmo assim eles deixam esse arranca-rabo de lado quando Luke some, e todos se esforçam para encontrá-lo.vlcsnap-00025Quando mais tarde Han começa a se gabar que de ela está caidinha por ele, a Princesa mostra quem manda; tasca um beijo em Luke. Que esse beijo vai assombrar os dois nos anos vindouros eles não sabem, claro.vlcsnap-00026Quando o império descobre a base secreta rebelde em Hoth, é preciso organizar as defesas para garantir a fuga do resto do pessoal. A Princesa mais uma vez comanda e instrui os pilotos.
vlcsnap-00028Já no asteróide kibado de Duna é preciso reparar a Alluminum Millenium Falcon. Quem está ajudando? Sim, a princesa. Além de tudo ela é mecânica. vlcsnap-00029Já em Bespin, enquanto Han relaxava por estar na cidade do amigo, Leia desconfiava ativamente de Lando Calrisian. Como sempre ela estava certa, ele trabalhava para o Império.vlcsnap-00030Quando Lando mudou de lado (de novo) a primeira reação de Chewie foi esganá-lo. Leia assumiu o controle e por pouco não deixou o Wookie terminar o serviço, mas quando ela falou pra parar, ele parou. Mesmo Chewbacca respeita a princesa.vlcsnap-00031Perseguidos pelos stormtroopers, Leia Lando e Chewie conseguem chegar ao Millenium Falcon. Han foi congelado em Carbonite, mas antes soltou a clássica frase-cafajeste respondendo ao “eu te amo” dela: “eu sei”.vlcsnap-00032 Na Millenium Falcon, fugindo do Império Leia sente que Luke precisa de ajuda, peita Lando e manda Chewie fazer a volta. vlcsnap-00033

Luke é resgatado, ganha uma mão nova e terminam lambendo as feridas e contemplando o próximo passo, que viria em Retorno de Jedi.vlcsnap-00034Aqui Han virou decoração de Jabba, o vilão mais asqueroso da trilogia e um dos mais poderosos. Um gangster comandando o submundo em Tatooine e outros sistemas, ele age impunemente, com poder de vida e morte sobre todos.vlcsnap-00035Quando Oola, uma de suas dançarinas recusa seus avanços Jabba a joga no poço do Rancor, para ter uma morte horrível.vlcsnap-00036É nesse ambiente que Leia se infiltra. Disfarçada de caçadora de recompensas ela leva Chewbacca como sua presa, o vende para Jabba e assim ganhar a confiança do gangster. Durante a noite ela liberta Han Solo.

vlcsnap-00039 vlcsnap-00040O plano não dá certo, Jabba captura todo mundo, mas mesmo assim Leia o ameaça. “Temos amigos poderosos”. Ele não se intimida, e resolve impor sua posição de poder humilhando a princesa.

Vestindo trajes sumários ela é presa acorrentada e tratada como um objeto por Jabba, que provavelmente planeja um destino horrível para ela. vlcsnap-00041 vlcsnap-00044Mas antes é preciso a humilhação final, ela ver seus amigos sofrerem horrivelmente digeridos por mil anos no estômago de Sarlacc. Só que aí entra o Plano B. Luke, que também havia sido capturado no último momento pega o sabre de luz lançado por R2D2 e começa a chacinar os soldados de Jabba.vlcsnap-00045Dentro da barca a princesa, humilhada, semi-nua, quebrada aproveita o momento e mostra que na verdade sempre esteve no controle da situação. Destrói os controles para os soldados de foram não verem dentro do compartimento, e parte pra cima de Jabba.

A jovem indefesa com um bikini de metal é uma guerreira. usando a corrente que a prende a seu captor, enforca Jabba sem dó nem piedade, pondo fim à miserável vida de um dos maiores vilões da Galáxia. Sozinha. Sem ajuda de ninguém.vlcsnap-00048 vlcsnap-00049 vlcsnap-00051 vlcsnap-00052

Já em Endor com Leia pilotando a speedbike ela e Luke saem atrás de stormtroopers que surpreenderam o grupo rebelde. Nessa ela mata mais de um.

vlcsnap-00056Depois de perder a moto, ela é encontrada por um Ewok, e começam a interagir, mas ela é rendida por dois stormtroopers. O Ewok, escondido distrai um dos soldados. Leia acerta o soldado com um pedaço de madeira, rouba seu blaster e mata o outro stormtrooper que tentava fugir para alertar a guarnição imperial.vlcsnap-00065vlcsnap-00066Mais adiante, com o ataque rebelde já em andamento Han e Leia são emboscados na porta da casamata imperial. Tudo parece estar perdido, Leia tomou um tiro no ombro, mas eis que ela mostra:vlcsnap-00057Está com o blaster na mão, escondido dos soldados pelo corpo do han. Ele respira aliviado e solta: “Eu te amo”.vlcsnap-00058Leia sorri e responde, fechando lindamente a simetria do filme anterior: “Eu sei”.
vlcsnap-00059Em seguida nossa princesa senta o dedo e enche os dois stormtroopers de chumbo-laser.

vlcsnap-00060 vlcsnap-00062

Até a chegada dessa personagem “Princesa” pra mim era sinônimo de inútil, personagens que só sabiam gritar e precisavam de um herói para salvar o dia. O que faz a Bela Adormecida? Nada. E a Branca de Neve? Nada, E besteira, ao aceitar maçãs de estranhos.

Leia Organa mostrou pra uma geração de crianças que personagens femininas podem ser fortes E femininas, não são amazonas isoladas do “mundo dos homens”, Ela faz parte do mundo, é respeitada por quem convive com ela, e quem não respeita, bem, pergunte ao Jabba.

Leia é a anti-heroína em perigo. Ela não pediu para ser resgatada, e quando o foi assumiu as rédeas do próprio resgate.  Quando seu companheiro / amigo / aliado precisou de ajuda, ela se voluntariou para uma missão muito perigosa, e ninguém a dissuadiu por “ser mulher”.

Leia em seu momento de maior humilhação ainda era senhora de si mesma, se recusou a ser uma vítima, e na primeira oportunidade matou seu algoz de forma hábil e implacável.

Leia é uma mulher normal, sem saber usar a Força, sem um Wookie para ajudar, mas mesmo assim é a personagem mais forte de Star Wars.

Por isso acho NOJENTO ler notícias como esta, que a Disney vai tirar de circulação os materiais com a figura da Slave Leia.

maxresdefault

Dizer que a Slave Leia é fan service para homens é.. ridículo. Alegam que é objetificação da personagem. Sim, CLARO QUE É, ela foi objetificada, pelo Jabba. Ele é um vilão, o que esperavam? Cupcakes?

A questão é que a Slave Leia não representa submissão, representa força e determinação, todo mundo que não viu o filme e está batendo palmas não entende, o bikini de metal não é humilhação, é o momento de maior triunfo individual da personagem.

Vergonha não é colocarem Leia num bikini de metal, vergonha é reduzirem ela a isso.

Banir a caracterização por achar “inadequada” é tirar de contexto totalmente, é ignorar a mensagem que você pode ser absolutamente fodona mesmo usando um bikini de metal.

O Cosplay de Slave Leia sempre foi um dos mais populares entre as fãs. Acho falta de respeito dizer que estão todas erradas, que a roupa não representa a força da personagem, mas sim objetificação.

6119114308_a478327e04_z

Afirmar essa sandice pode ser má-fé ou má-vontade de quem não conhece nem se interessa por Star Wars. Só sei que EU jamais falaria algo assim na cara de uma Slave Leia. Eu lembro o que aconteceu com Jabba.



Leia Também:

  • De acordo com Star Wars Rebels, que é “canon” com o universo cinematográfico, os Storm Troopers não são clones. Ou pelo menos não mais. Depois da ascensão do império todos os clones foram descomissionados e substituídos por recrutas comuns que viviam nos domínios do Império

    • Ahh, sim: belo texto :D

    • Não apague o Rex, olha a Clonefobia!

      • hehehe… de acordo com o Rebels, apenas 15 anos depois da Ascensão, todos os Clones na ativa eram uns vovozinhos. Só lembrar que eles tinham um crescimento acelerado em 4x, se bem me lembro

        • Sim, sim, aliás a própria coisa dos clones foi uma puta reconeada pra justificar o assassinato em massa deles, quando o povo começou a se tocar que não eram robôs.

          • E além do mais, Rex não é do UE? A Disney não “matou” todo o UE?

          • Tá no Rebels.

          • Ahh, tá… mas então, como falei, aqueles três não eram mais “troopers” :D

          • Hollander

            Eu achava que a questão aqui era para gastar com menos figurantes. Se filmasse com o rosto aberto, invariavelmente um ou outro cara ia repetir cenas.

      • Dr. Bruce Banner

        Queria viver em um mundo onde os clones possam viver me paz e não serem perseguidos. Isso é coisa de humanos opressores.

    • Adriano Garcez

      Tanto que, quando eu não sabia disso, estranhei bastante o trailer do sétimo filme. Por mais que digam que o universo expandido tenha sido apagado na nova trilogia, continuam usando alguns elementos do mesmo. Ou em algum filme eles falam isso? Porque não lembro…

      • Nem que sim, nem que não. O povo é que simplesmente assumiu que eram todos clones. Primeiro por causa da menção do Obi Wan no primeiro filme. E beeeeem depois por conta do Episódio II e da série de TV Clone Wars

        • Adriano Garcez

          Eu assisti a trilogia mais recente primeiro, por isso sempre assumi que os stormtroopers sempre serem clones, mesmo na trilogia clássica. Só foi com o trailer do sétimo filme que soube o que aconteceu.

    • bruno miranda

      Além de tudo não eram apenas humanos, não sei se segundo o novo “canon”.

  • Daniel Almeida

    Como falei no MeioBit, ela está objetificada pelo personagem mais repugnante já feito em filmes até ali, tratar uma mulher daquele jeito é coisa de uma criatura nojenta e repulsiva, esse é o recado.
    O assunto parece quando olham pra Barbie e só veem uma loira burra e esquecem de todas as profissões que ela já teve.
    Talvez seja mais uma coisa da Disney querendo tornar tudo muito família e tirando imagens muito associadas a sexo ou violência. Talvez…

    • Carpe Diem

      poderiam colocar o nome das barbies de “rochele meu marido tem 2 empregos”
      vai ter tanto emprego assim…

  • Esse texto me representa, não o do meiobit ;)

    • iLoveiCarly

      O cardoso ta meio puto com o texto de la também.

      • Saulo Benigno

        Puto? como assim? O que houve?

        • iLoveiCarly

          Pela matéria do Meiobit “concordando” em colocar burca na princesa Leia simplesmente pelo politicamente correto.

          • Meiobit, O site de tecnologia de quem tem opinião, mas só quando o Cardoso escreve, hueheuheu

          • iLoveiCarly

            Kkkkkk. Isso e “democracia” cumpanheiro…

      • E não é pra menos! Aquilo é uma ofensa, uma excrescência, uma onda de politicamente escrorreto infindável!

        • Carpe Diem

          Ronaldo e o Laguna andam em uma vibe politicamente correta demais. A diferença é que o Laguna sabe que esta se colocando como politicamente correto e deixa claro. Já o Ronaldo vira e mexe ta sendo corrigido e chamado a atenção por deixar tudo meio nublado.

          Eu pessoalmente acho que isso tem dedo do nick.

          • Islan Oliveira

            Do Ronaldo eu tinha percebido isso de politicamente correto. Do Laguna não. Prestarei mais atenção daqui pra frente.

    • Thiago

      Quando textos feminazis não tiram as pessoas normais do sério?

      • Ednei Monteiro

        O curioso é que além das feminazi agora existem os feminizi. Deve ser aquele tipo de cara que tem inveja das ereções dos outros.

        • E se o que eu entendi bem sobre a Shavasca, digo Savanah (imagem do batman parido por um unicórnio macho no outro coment), temos Trans Feminazi… Tá feia a coisa…

          • iLoveiCarly

            Digo todo dia.. Estou a espera da evolução das baratas, pois a dos macacos nao deu certo.

          • Thiago

            Alguém aperta o reset da terra aê que não tô alcançando o botão!

          • Dr. Bruce Banner

            Não fala macaco, senão vão dizer que você está sendo racista…

          • Junkiana Fernandes

            Não, só é racismo se você chamar um negro de macaco e jogar uma banana para ele. Tudo tem seu contexto!

          • Dr. Bruce Banner

            Você que pensa.

          • O “Die Cis Scum” criado no Tumblr resume bem o absurdo!

  • Uma bela surra em palavras, grato … :D

  • thiok

    nice ;)

  • Anderson Rodrigues

    Perfeito!

  • Alberto Prado

    Texto muito bom! Não há o que acrescentar e nem tirar.

  • Wagner Felix

    Aprendam como se faz um texto feminista DE VERDADE!

    • Lui Spin

      Pela mor de Deus, não dá ideia.

      As feministas vão roubar a princesa Leia para elas, e logo vão ter memes dela falando que UZOMI não servem para nada, que foi ela que salvou a parada tudo, etc.

      • Fernanda Lizardo

        Cara… Nada me causa mais antipatia do que ver mulher escrevendo uzomi, homi, mascus, omi ou algo que o valha. Morro de vergonha quando vejo uma criatura usando estes termos – e na minha opinião invalida qualquer argumento que o texto possa conter.

        • Eu sou Real

          Se a pessoa se diz Feminista, absolutamente TUDO que ela disser deve ser invalidado.

        • Lui Spin

          Com certeza. As feministas que utilizam esses termos automaticamente se tornam piores do que os machistas de internet.

          Feminista 1: “Tem muito machismo na internet.”
          Feminista 2: “Tem mesmo. O que vamos fazer? Abrir os seus olhos? Debater com argumentos fortes?”
          Feminista 1: “Não. Vamos chamar eles de “uzomi” que é melhor.”

          • Gabriel Baptista

            Tosquíssimo mesmo usar esses termos. Quase tão tosco quanto usar o termo “feminazi”.

          • Lui Spin

            Posso até concordar, mas há uma sutil diferença.

            Feminazi é usado para classificar as feministas radicais.

            Já as feministas chamam de “uzomi” qualquer ser do sexo masculino.

          • Gabriel Baptista

            Não são todas as feministas, cara. Muitas criticam o uso desse termo, por colocarem “homens”, ao invés de o machismo, como o inimigo (entre outros motivos).
            Seja lá pra qual aspecto do feminismo for, não é possível fazer nenhuma generalização, pois não é exatamente um grupo uniforme, com um manifesto, uma liderança. Existem trocentos feminismos.
            E sinceramente não vejo muita moderação no uso do termo feminazi. Nego fala isso a torto e a direito. Sem entender o feminismo ou ter o mínimo de empatia pelo sofrimento alheio, caracterizam como feminazi qualquer mulher que defende algo que acham que seja “mimimimi” (outro termo desrespeitoso e muito mal empregado nesse tipo de discussão).

          • Alexandre Souza

            Eu gosto do termo. Identifica bem a floquinh…eh…o personagem.

  • Dr. Bruce Banner

    Cara, meus olhos se encheram de água.
    Sua demonstração faz jus ao que ela é. Aliás, você demonstrou mais do que muitas pessoas veêm.
    Ela demonstrou ser uma mulher de atitude, a personificação de uma heroína que muitas meninas não tinham como referência.
    Ela é foda mesmo e tem o meu respeito e o de muitos fãs.
    Se ela tivesse empunhado um sabre de luz, teria se equiparado ou superado o Luke.

  • Fiquei até emocionado, tinha me esqueçido de como Leia é poderosa

    • Dr. Bruce Banner

      Vou mostrar esse texto pra minha esposa.
      Aliás, sou um homem feliz. Minha mulher assistiu todos comigo e gostou. E todos os Indiana Jones.
      Cara, vou chorar de novo…

      • Lui Spin

        Você não é apenas um homem feliz, é um homem único. Pois não consegui fazer nenhuma namorada se quer assistir todos, quanto mais gostar.

        Um que tem boa aceitação entre elas é o LOTR. Não sei se é por causa do Légolas ou do Aragorn. Mas aí vamos começar a falar da objetificação dos homens nos filmes e deixa pra lá…

        • Dr. Bruce Banner

          Nem todas gostam, a maioria das mulheres são naturalmente românticas
          Sou muito feliz mesmo.
          ELA ME DEU O BOX EXTENDIDO DO LOTR, O BOX DO PODEROSO CHEFÃO E O BOX DA QUADRILOGIA DO ALIEN!!!
          E ASSISTIU TODOS COMIGO!!!
          E GOSTOU!!!
          Tô chorando de novo…

          • Thiago

            Tapoha! Cara… Vai parando por aí que já tá gerando inveja aqui do meu lado! heheheh
            Parabéns ;)

          • iLoveiCarly

            Agora so falta dizer que ela deu um game de aniversário, gosta de tomar cerveja com vc e vai assistir aos jogos do seu time??

          • Dr. Bruce Banner

            Não gosto de futebol. Ela adora jogos de corrida e já ganhou de mim muitas vezes, asiste séries comigo, gosta de algumas hqs, já leu todos os Preacher(!!!) e bebe cerveja comigo. Ela gosta de Kaiser Radler (kkkkk), mas bebe.

          • iLoveiCarly

            Homem de sorte, :-(

          • Lui Spin

            kkk sério? Porra aí sim. Isso que eu chamo de mulher ideal.

          • Dr. Bruce Banner

            Com certeza.

          • Lui Spin

            Aí já iria achar que é mentira. kk

          • Geese Howard

            Homem de sorte…

          • Lui Spin

            Não separe nunca!

          • Dr. Bruce Banner

            Isso não está na minha agenda… hahahahaha

          • Quem é a mulher aqui hein?

          • HUAHUAHUAHUHAHUAHUAHUAHUHAHAUHUAHA

          • Dr. Bruce Banner

            Já que tá na dúvida, pode ser você.

          • Martin Juan

            Você é feliz.

        • Fernanda Lizardo

          Pô… A melhor coisa de LOTR é a batalha dos Campos de Pelennor.

      • A minha pirou com o Ash VS Evil Dead….

        • Dr. Bruce Banner

          Massa. Vou assistir esse final de semana.

  • OverlordBR

    Não adianta, Cardoso… simplesmente não adianta. :(

  • Lui Spin

    Perfeito texto.

    As feminazistas conseguiram reduzir a primeira princesa realmente poderosa do cinema, a uma simples escrava com bikine metálico.

    • “Vitimização” é a palavra chave … “sou minoria por isso isso e isso”, “sofremos isso, vocês vão ter que nos aturar … bla bla bla …”

      • Organizações Tabajara™

        Mas o mais engraçado é que NÃO são minoria, pelo contrário, são maioria na população.

        • Shhhhh…. fale baixo antes que te chamem de preconceituoso… por que? por nada, eles não precisam de motivo pra isso …

          • iLoveiCarly

            Vão chamar ele de preconceituoso pq ele tem preconceito que elas são maioria.

          • Ou somente por que ele não é similar a eles, na cor de pele, religião, opção sexual, nível social … escolha um … XD

          • iLoveiCarly

            Ta chato viver hoje em dia.. Sábio o homem que não tenha um filho homem, pq tende a piorar.

    • Rodrigo

      Só para lembrar que a decisão foi da empresa, não das feministas. Até porque alegar que as feministas tem um controle de decisão desse nível na Disney é alegar que são mais influentes do que, infelizmente, realmente são.

      • Lui Spin

        A Disney é uma empresa, controlada por pessoas. Provavelmente e infelizmente deve ter feministas ali no meio. Sem falar que a empresa deve ser antenada. Deve ler o que acontece, se render a opinião de alguns etc.

        • Rodrigo

          Suposições suas. E mesmo que ela “se renda” às opiniões das pessoas, significa que essas opiniões são as dominantes. Sendo assim, ótimo.

          De resto, não vejo como negativa a posição dela, ou das feministas.

          • Gabriel Baptista

            Não dá pra querer discutir com alguém que coloca como “infeliz” a existência do feminismo e das feministas.
            Deixe os dinossauros se lamentarem por verem que tem um cometa vindo pra mudar tudo.

          • Lui Spin

            Então não discuta.

        • “infelizmente”?

          • Lui Spin

            Sim.

  • Maom

    Puta texto! E soube defender o uso da sexualidade em prol da arte muito melhor que qualquer atriz da Globo dando entrevista por aí.
    E fez tudo isso sem dar spoilers para o Laguna! :)

  • Thiago Vieira

    Que bom que ainda tem gente que pensa racionalmente!!! Belo texto, cara.

  • Rodrigo

    A questão é que a Slave Leia não representa submissão, representa força e determinação, todo mundo que não viu o filme e está batendo palmas não entende, o bikini de metal não é humilhação, é o momento de maior triunfo individual da personagem.

    A maioria que compra/celebra/cultua essa caracterização da Leia não tem isso em mente.

    Fazem porque é gostosa.

    De tantos momentos e atos praticados no filme, alguns com mais tempo de tela, inclusive, a mais famosa e mais celebrada é a Slave Leia.

    Na verdade isso não diz nada sobre o filme, diz mais sobre as pessoas.

    • Gabriel Baptista

      escrevi um comentário gigante e agora li o seu, acho jsutamente isso

    • E você querer proibir a Slave Leia por causa disso repete PERFEITAMENTE o argumento do sujeito que diz que a mulher foi estuprada pq usava roupa curta.

      • Gabriel Baptista

        Caramba cara, vai ter que explicar melhor esse raciocínio, que tem tanto sentido quanto dizer que os seus argumentos no post querem dizer que você quer pular carnaval em Salvador vestido de Slave Leia.

        • Henrique Assis

          Não sou o Cardoso, mas é bem simples:
          “As pessoas não entendem porque a Leia está vestida de biquini e gostam dela assim porque ela é gostosa. Vamos proibir imagens dela assim para educar as pessoas!”

          “As mulheres são estupradas porque estavam usando roupas provocantes e os estupradores não conseguiram se conter. Vamos proibir roupas assim para que não aconteça mais estupros!”

          • Gabriel Baptista

            Uma diferença fundamental: escolher usar a roupa que quiser é uma questão de liberdade e individualidade, e ninguém pode querer apitar na escolha dos outros. Inclusive vieram aí com o argumento que os fãs vão continuar fabricando suas próprias fantasias e artesãos fazendo seus bonecos, e não tem absolutamente nada de errado nisso.
            E o Cardoso me acusa de querer “proibir a Slave Leia”. Não quero nada disso, não tenho nem poder de escolher essas coisas, não sou funcionário, muito menos dono da Disney. A diferença dessas duas questões é que a Disney é a dona dos personagens atualmente e escolheu por não produzir ou autorizar mais produtos com essa imagem. Eles não vao ficar na porta da Comic Con querendo punir cosplayers que estiverem com essa roupa, e muito menos editar os próximos DVDs pra mudar a roupa da Leia, como tem um monte de gente mal informada ou mal intencionada reclamando aqui.
            Sério, apelaram nessa comparação…

          • Martin Juan

            “Vamos banir os roupeiros, para que os Ricardões que visitam nossas mulheres quando não estamos em casa, não tenham onde se esconder.” É mais o menos assim que as mentes deles trabalham.

      • Rodrigo

        Não quero proibir, apenas concordei com a decisão da empresa. A empresa não vai proibir, tanto que o que já existe vai continuar existindo, não vai censurar os filmes muito menos recolher as bonecas que já existem. Ela vai apenas deixar de comercializar.

        Por mais que você use maiúsculas, sua argumentação está equivocada, pois eu não vejo problema algum na Slave Leia. Muito menos nas bonecas e na roupa. O problema está no uso e na repercussão que essa caracterização tem.

        Também não vejo nada errado em sexualização. Isso é algo natural, e a relação da sexualidade entre as pessoas é cultural. A nudez em nossa sociedade é um tabu, e ligada diretamente com a sexualidade. Quanto mais desnudo o corpo, mais sexualizado. Até aí não vejo problemas.

        O problema ocorre quando isso objetifica alguém, quando reduz a isso, e quem reduz a Leia ao corpo bonito de biquíni não é a Disney, são muitos dos fãs, que nesse momento praticamente ignoram a Leia humana e passam a cultuar a Leia objeto. Objetificar alguém é despersonalizar. Desumanizar.

        Uma solução seria incluir com as bonecas Slave Leia um fascículo explicando a relação entre corpo, nudez e sexualidade, evidenciando os perigos da objetificação de alguém e exaltando as qualidades da princesa Leia, inclusive isto que você explicou. Não seria nada prático, e até pode parecer ridículo aos mais sensíveis. Portanto, a Disney preferiu dar mais ênfase a outras caracterizações dela.

        É burrice comercializar um brinquedo/item de colecionador assim achando que todos tem a maturidade e sensibilidade de refletir sobre tudo isso. E essa ignorância pode ter um efeito mais danoso do que educativo. E por fim, como lembrou o @disqus_E3g3J1nhqH:disqus logo abaixo,

        escolher usar a roupa que quiser é uma questão de liberdade e individualidade, e ninguém pode querer apitar na escolha dos outros. Inclusive vieram aí com o argumento que os fãs vão continuar fabricando suas próprias fantasias e artesãos fazendo seus bonecos, e não tem absolutamente nada de errado nisso

        http://www.contraditorium.com/2015/11/05/tirem-suas-maos-nojentas-da-princesa-da-minha-infancia/#comment-2347666396

        Portanto, é inconsistente a comparação entre a escolha da Disney em parar de comercializar a Slave Leia com a culpabilização da vítima no caso do estupro.

  • Rolando

    Essa coisa da Disney só mostra a imbecilidade que é o politicamente correto.

  • Geese Howard

    THIS!
    *Aplaudindo de pé

  • Adriano Garcez

    Vergonha não é colocarem Leia num bikini de metal, vergonha é reduzirem ela a isso.

    Preciso dizer mais nada. Perfeito.

  • Quase pensei “puxa, que inveja do Cardoso, eu também queria ter ido ao cinema em 77 ver esse filme”, mas isso me faria mais velho do que já sou. Deixa assim, que já tá bom. Pelo menos me lembro de ter visto o letreiro de “O Retorno de Jedi” em algum cinema de Copacabana (acho que no Bruni).
    E vi o Superman I no Imperator. Já está de bom tamanho.

  • Claudionor Buzzo Raymundo

    Não sou de comentar, mas dessa vez fui obrigado! Parabéns Cardoso!

  • Gabriel Baptista

    Interessante essa discussão. Respeito seu ponto de vista e achei o texto muito bom, mandou bem ao elencar todas as razões pela qual a Leia é uma personagem forte e etc.
    Não acho (até que me provem o contrário) despropositada e gratuita a aparição da Leia no bikini. Não acho que o traje seja essencial pra história, e acho que ela poderia passar sem ele, mas não vejo sua presença como algo simplesmente jogado lá “porque sim”.
    No entanto, não discordo dessa medida. Seria diferente se a Disney resolvesse que nos próximos DVDs do retorno de Jedi as cenas seriam deletadas, modificadas digitalmente, ou algo assim, isso seria absurdo. Mas acho a ênfase dada neste traje pela maioria das linhas de produtos de Star Wars descabida. Na notícia que você linkou, eles citam que em detemrinadas linhas a ÚNICA representação da Leia é no bikini. Apesar de ela aparecer com trocentos outfits nos filmes, não há bonecos dela de vestido branco, de roupa de “rebelde”, de princesa, disfarçada de mercenária, etc ( me refiro há algumas linhas. Provavelmente existem bonecos em outras roupas, mas provavelmente são minoria).
    Concordo que ela nesse traje não representa a submissão, mas eu não acho que o fato de ela estar na maioria das vezes representada nele seja pelo fato de isso representar sua determinação e força, como você menciona. Eu duvido que o raciocínio usado para essa escolha, por parte dos fabricantes de merchandising tenha sido esse, pelo contrário, acho que tem sim a ver com a sexualização da personagem, mesmo que não tenha sido essa a ideia do filme. Acho um pouco desonesto afirmar isso. Sejamos sinceros, se você, homem, tem um pôster, boneco, desenho, etc da Leia, e a representação que você escolheu foi a do bikini, provavelmente não é porque ele representa seu momento de maior triunfo. E, aliás, vc elencou inúmeros momentos fodas da Leia, acho apressado elencar esse como o de maior triunfo, mas reconheço que isso é questão de opinião e respeito a sua.
    E você coloca como falta de respeito dizer que as cosplayers estão todas erradas, mas não acho que isso tenha sido dito, nem nas entrelinhas. Cada cosplayer escolhe como quer retratar cada personagem, e nenhuma merece desrespeito por causa disso, nem por parte de marmanjos caga-regras e nem por parte de feministas caga-regras.
    Enfim, tentei elencar alguns argumentos, espero ter sido claro. Estou interessado no debate, sei que se você, Cardoso, me responder, será respeitosamente, e espero que se algum leitor o fizer, também o faça mantendo o nível.
    Um abraço!

    • Gabriel Baptista

      Pensei numa forma de resumir: retratar a Leia de bikini no filme não foi necessariamente sexualizar a personagem. Focar o merchandise da personagem nesse único traje, é exatamente isso.

      • Se você pesquisasse antes de falar evitaria passar vergonha.

        • Gustavo Steckert

          E tu acha que gente que faz esse tipo de discurso se baseia na realidade? aeufhuaef

        • Gabriel Baptista

          Não tenho vergonha de expor o que eu penso não, e postar um print de resultados do google não invalida meus argumentos.
          Se é só isso que você tem a colocar, deixemos assim então.

          • Vanderlei_UDR!

            Pode não invalidar todos, mas invalida que existe foco do merchandising apenas nisso, visto que não há. Se vc acompanhar o mercado de actions do SW vc verá que nem só de slave leias vivem os colecionadores, tem muito material dela em outros “trajes” e em diferentes situações (e que provavelmente vendem até mais – acho que é isso que o Cardoso quis apontar pra vc com a imagem).

          • Gabriel Baptista

            Mas não disse que o foco era apenas nisso. O que eu citei foi determinadas linhas, como a da Black Series, que, segundo o link citado no texto, tem com única personagem feminina a Leia de bikini. Nunca quis dizer que só existe action figure da Leia assim, o que eu contestei foi a ideia de que a preferência de algumas empresas pro produzir, e alguns clientes de comprar esse produtos, seja pelo fato de mostrar a força e determinação da personagem.

          • gandralf

            Focar o merchandise da personagem nesse único traje…

          • Gabriel Baptista

            “Na notícia que você linkou, eles citam que em detemrinadas linhas a ÚNICA representação da Leia é no bikini. Apesar de ela aparecer com trocentos outfits nos filmes, não há bonecos dela de vestido branco, de roupa de “rebelde”, de princesa, disfarçada de mercenária, etc ( me refiro há algumas linhas. Provavelmente existem bonecos em outras roupas, mas provavelmente são minoria).”

            Não sei colocar negritos, mas vamos colocar o foco aqui em “DETERMINADAS LINHAS”.
            Que tal exercitarmos mais a leitura e interpretação de texto e parar com essa desonestidade intelectual que é tirar as coisas de contexto? Tá ficando cansativo ter que responder vcs argumentando contra ideias que eu não coloquei aqui…

          • Vanderlei_UDR!

            coloca a frase entre e para fazer negrito (sem os espaços)!

          • Vanderlei_UDR!

            ” Gabriel Baptista Gabriel Baptista • 4 days ago
            Pensei numa forma de resumir: retratar a Leia de bikini no filme não foi necessariamente sexualizar a personagem. Focar o merchandise da personagem nesse único traje, é exatamente isso.

            Vc disse sim!

          • Gabriel Baptista

            Se você tivesse lido meu texto original ao invés de só essa parte, teria entendido que me refiro a ALGUMAS linhas de produtos que tem foco exclusivo nesse traje. Nunca quis dizer que todo e qualquer produto já lançado em toda a história com a imagem da Leia retrata esse traje…
            Tá tão difícil de entender assim, amigo? Ou o difícil é contrapor as ideias que eu expus e assim você prefere insistir em focar numa frase tirada de seu contexto?

          • Vanderlei_UDR!

            Calma, abigo!

            Vc mesmo coloca teu texto fora de contexto: Por exemplo: Mas acho a ênfase dada neste traje pela maioria das linhas de produtos de Star Wars descabida

            – Maioria das linhas –
            – Maioria das linhas –
            – Maioria das linhas –

            Vc deu sim a entender que a maioria das linhas dão enfase na slave leia, o que é incorreto, depois ainda afirmou que existem ~determinadas linhas~ que focam só nisso, o que também é errado.

            O único exemplo que vc deu foi o da Black Series, afirmando que só tem slave leia naquela bagaça, o que (QUE SURPRESA!) também esta equivocado. Temos Slave Leias, Leias Bounty Hunter e Leias na outfit do vestido branco.

            Sem stress, cara!

          • Gabriel Baptista

            Sem stress, mas é frustrante comentar num blog (coisa que nunca faço) querendo discutir ideias interessantes e controversas e ficar há uma semana respondendo sobre detalhes semânticos do texto que eu fiz na pressa, ao invés de poder desenvolver a discussão sobre esse tema que julgo tão importante. Se eu fosse fazer um post, teria passado dias pesquisando, mas, pra comentar, me limitei a ler a postagem do Cardoso e o texto do Daily Wire linkado por ele, de onde tirei essas informações.
            Vamos lá então: errei ao formular meu texto na pressa, sem cuidado e me baseando numa leitura rápida de apenas duas fontes.
            OK?
            Mas duvido que alguém tenha também dedicado muito tempo pra fazer um levantamento histórico dos merchandisings já lançados da Princesa Leia, mesmo porque o máximo de “fonte” que me mostraram foi um print da primeira página de uma busca no google imagens.

            No mais, insisto que esses detalhes não invalidam meu ponto: o acerto da Disney em propor medidas que visam mudar um pouco o paradigma predominantemente machista no meio nerd.
            E se alguém ainda não vê a importância dessa discussão, é só dar uma passada de olhos nas atrocidades comentadas nesse mesmo post, do tipo “qualquer coisa que uma feminista diga deve ser desconsiderado” ou “as mulheres só gostam de Senhor dos Anéis por causa do Aragorn e do Legolas”.
            Só não vê quem é cego ou mal intencionado.

            Sem stress.

          • Gabriel Baptista

            Ah, e valeu pela dica sobre o negrito .

      • Reptile

        Antes de anunciarem que iam banir a leia de biquini, a action figure dela de 2013 dela estava encalhada nas lojas americanas, sendo vendida a 8 dolares em promoções frequentes.
        Após esse rumor de que iam banir…(Imagem abaixo).
        Parabéns, conseguiram fazer o “merchandise da personagem nesse único traje” vender mais em 1 dia do que a Hasbro conseguiu em 2 anos. GG. Gratz. Congratulations.

        • Dr. Bruce Banner

          Putz!!!

          • Mundo de colecionador é assim, um item vira raro e tem ser preço Gourmetizado de forma exponencialmente mercenária dessa forma.

        • Willian Topa

          us omi não perde tempo mesmo pra ganhar uma graninha ein haha

    • Vitor Xavier

      todas as fãs (mulheres) que fazem o Cosplay da Slave Leia Discordam de você

      • Gabriel Baptista

        Claro né, porquê todas as mulheres pensam igual.

        • Vitor Xavier

          dentre as que compram A mesma fantasia dentre varias da mesma personagem? SIM. perdeu a capacidade de raciocinar? quem acha que todas pensam igual é você

          • Gabriel Baptista

            Acho? Baseado em quê você diz isso, rapaz?

  • Leooo

    Cade o Laguna pra ler esse resumão aqui? Nem vai precisar assistir os filmes IV, V e VI.

  • Concordo em gênero, número e grau.

  • Fernando Torelly

    Irretocável! Ou quase, esqueceu de mencionar que a Slave Leia também é a preferida entre os cosplayer homens. O que mais tem é foto de gordelo barbudo de biquini de metal pelas internets da vida.

  • Apoiado, Cardoso! Esse texto sim, me representa!

  • Silver Lady

    A Disney sempre foi moralista demais, água com açúcar demais. Transformaram o padre Frollo em juiz e a menina Pocahontas numa mulher crescida (ela só tinha uns 12 quando conheceu John Smith), e Hércules virou filho de Hera em vez de filho de um dos muitos casos do pai safado dele, Zeus. E Kerchak morre nos braços do Tarzan chamando-o de filho, em vez de ser morto num duelo como deveria ser.

    Eu até entendo que alterem um conto de fadas que originalmente era medonho, como a Bela Adormecida ou a pequena Sereia e o transformem numa coisa encantadora, mas algumas histórias, como as que citei acima, eles nunca deveriam ter tocado se era pra ficar desse jeito. E uma história épica como Star Wars não se sustenta sem a violência, sem a maldade extrema dos vilões (e SW é até leve, comparado a um Game of Thrones). Nem quero pensar o que vão fazer com os personagens da Marvel; no mínimo o Magneto vai ser apenas alguém que sofreu bullying na escola, em vez de um sobrevivente de campos de concentração, e os X Men conquistarão o amor das pessoas depois de salvarem o mundo.(como aconteceu com Quasimodo no fim do filme).

    DEIXEM AS HISTÓRIAS DOS OUTROS EM PAZ, DISNEY!!

    • Gabriel Baptista

      Cara, essas produções da Disney que você citou são pra CRIANÇAS!
      Tem algo errado com você se acha que tudo bem mostrar uma menina de 12 anos se relacionando com um adulto.

  • Magnosama

    Chola mais.

  • Vanderlei_UDR!

    Tirando um pouco do foco central da discussão, mas todo mundo sabe que o mercado de action figure de SW é ENORME. Imagina o que vai virar o mercado paralelo (entre fans) de action figure da Slave Leia por aí. Daqui a pouco vai aparecer gente penhorando Slave Leia no Trato Feito….uheuheuheuheuhe

    A galera do “Mercenário Livre” vai a loucura.

    • Dr. Bruce Banner

      O cara do trato feito:
      – Quanto você quer por ela?
      – Uma Milenium Falcon e um Sabre de luz.
      – Olha a Slave Léia é muito procurada. Eu só posso dar uma Milenium Falcon e um General Ackbar.
      – Ok, eu aceito.
      – Trato feito.

      • O que vai aparecer de falsificação da action figure, vão tentar ganhar uma grana no trato feito.

  • Henrique Assis

    De boa: proibir qualquer material relacionado com a Slave Leia é querer censurar uma parte da história dela que importa.

    AGORA, querer limitar o número de materiais que sensualizam ela nesse traje (não que mostrem ela assim. Que sensualizem ela desse jeito. Tem uma diferença, vai) e
    estimular os outros (sem sensualização desnecessária) é uma boa, vide o
    fato que muitas pessoas – que conhecem pouco os filmes – acabam
    associando a personagem mais ao material fanservice que o traje gerou do
    que ela mesmo.

  • Felipe Torrezini

    Critica quem não assistiu a trilogia. Ou assistiu e não entendeu. Ou entendeu mas não gostou.

  • Muito bacana o texto. Permita-me compartilhar aqui o meu texto sobre o tema: http://nerdice.com/sexualizacao-da-princesa-leia
    abraço

  • Os stormtroopers eram clones nas guerras clônicas. Na época do império eram Pessoas comuns que se alistavam no exército.

  • Sal

    Assino embaixo do texto, rapaz!!!! Viva Leia! Save Slave Leia!

  • Vinicius Schoenell

    Eu quase chorei quando acabei de ler. Na moral, uma galáxia inteira de parabéns pelo texto!

  • Savanah

    Só algumas coisas para agilizar aqui: Eu sou mulher trans e feminista com orgulho, não precisa perder tempo me chamando de feminazi, já to mais que acostumada.

    Você fez um texto maravilhoso, mas a conclusão está toda errada.

    Vamos imaginar que isso fosse com o Batman, imagina que a maior parte do merchandising dele fosse feita com o uniforme de arco-íris que ele usou uma única vez nos anos 70:http://img25.photobucket.com/albums/v75/man-size/587b496f.gif

    Imagina sempre que você fosse procurar uma camiseta, boneco, poster ou o que quer que fosse do Batman ele estivesse usando esse uniforme super colorido. Você é um fã e sabe que ele é mais do que isso, você sabe que esse uniforme foi usado uma única vez e o personagem fez mais do que isso, mas não importa por que para todo lado que você olha as pessoas estão reduzindo o Batman sempre a esse único uniforme.

    É assim com a princesa Leia, ela é uma personagem super interessante e que fez um monte de coisas nos filmes e mais ainda no universo expandido, mas ela sempre acaba sendo reduzida a esse biquíni metálico idiota na merchandising. Eu acho muito bom que a Disney faça isso, não só para nós que somos adultos, mas para as crianças que estão vindo ai e que vão assistir Star Wars pela primeira vez esse ano, vai ter toda uma geração de crianças que vão conhecer a princesa Leia pela primeira vez agora e elas vão ver uma princesa, uma guerreira e uma líder, não apenas o sex symbol.

    • Minatonami
    • Babaquice pura.

      Quanto mais diferentes querem ser, pior fica. Não digo pra não serem o que não são, mas aceitem a maior porcentagem do planeta que discorda disso que fica mais fácil. Pros dois lados.

      Se mudar a bíblia porque Maria Madalena teve um “desvio comportamental de época”, seria “impossível” e “impensável”, digo o mesmo quanto a mudar esta obra-prima de George Lucas.
      Detalhe: sou Trekker.

      • Gabriel Baptista

        Só pra constar, estamos falando da fabricação de bonecos e produtos licenciados, não de alterar o filme.

    • Se essa porra de uniforme do Batman tivesse marcado o personagem era essa gozada colorida de unicórnio que estaria ENTRE os bonecos e imagens dele, como no caso da Leia, que não aparece SOMENTE com aquele Bikine de latão.

      Como muitíssimo exemplificado por nosso colega em uma simples “googlada”.

      • Daqui a pouco estarão criticando a Xena por ser….. não, pera…..

        • TIREM SUAS MÃOS IMUNDAS DA PRINCESA GUERREIRA DA MINHA INFÂNCIA, ADOLESCÊNCIA E SONHOS MOLHADOS!!! >:D

    • Fala sério, sempre que você vê a Princesa Léia é ISSO que você vê?

      Se for você tem sérios problemas.

    • iLoveiCarly

      Não entendi a parte, mulher trans e feminista. Sério mesmo..

      • Virou mulher … respeito, decisão dela, nenhum preconceito quanto. ..

        Só não aturamos feminazis, independente da origem.

        • iLoveiCarly

          Entendi agora.. Fiquei meu confuso :-

    • Caipiroto, o Capeta Caipira

      Ah por favor. Tudo agora é motivo pra mimimi. Ela era um troféu pra um dos piores vilões da história, queria que ela estivesse vestindo um hábito? Como eu disse no MeioBit, daqui a pouco se fizerem um filme sobre prostituição não vai poder ter mulher de roupa curta porque é ofensivo.

      • Essa é a mentalidade das feminazis neste momento:

      • iLoveiCarly

        Discordo da parte de mulher com roupa curta é ofensa, as feminazis vao dizer que é estereótipo.

    • Dr. Bruce Banner

      Você jura mesmo que as fãs deixarão de usar a fantasia só pro quê a Disney tirou do marketing?
      Fã de verdade fazem a prórpia fantasia, não precisa de empresa pra isso.
      Nunca mexa com a tradição, seja ela qual for.
      Chola mais.

      • Ednei Monteiro

        E jura que não vai bombar de action figure no mercador paralelo ou artesanal. Tenho uma Motoko feita em resina. Nua, retratando a cena em que ela destrói o tanque em Ghost In The Shell. É uma das versões populares da Motoko. A cena é visceral no anime. Só falta as feminazi encresparem com ela porque apesar de ser Android está “objetificada”. Ah, vá.

        • Dr. Bruce Banner

          E se a gente reclamar, seremos “machos opressores do sistema capitalista da sociedade patriarcal” . (Que porra é essa?)
          Não tomar banho, nem usar desodorante, nem se depilar e só falar merda degrada mentalmente uma mulher.

      • Gabriel Baptista

        BNão acho que a Disney queira banir da face da terra qualquer representação da Slave Leia, apenas não fazer parte disso. Que nem um vegetariano que não acha que vai mudar o planeta ao parar de comer carne, mas está fazendo a sua parte.

        • Dr. Bruce Banner

          A Disney ter o personagem nos filmes e não querer fazer parte disso é meio hipócrita.

    • A maior parte do merchandising da Leia NÃO é Slave Leia. Procure nas páginas de colecionadores. PRA COMEÇAR ela só aparece com o bikini de metal no TERCEIRO FILME, acha mesmo que não fizeram bonecos dela até ele?

    • Henrique Assis

      Mas exatamente por que o uniforme do arco-iris não foi abolido que você pode citá-lo aqui. É parte da história do Batman, assim como o fato da Leia ter sido escrava do Jabba por um tempo.

      Agora, eu poderia até concordar contigo se a Slave Leia fosse a única imagem dela no merchandising, porém como o Cardoso já mostrou esse não é o caso: https://www.google.com.br/search?q=princess+leia+action+figure&biw=1920&bih=983&source=lnms&tbm=isch&sa=X&sqi=2&ved=0CAgQ_AUoA2oVChMI4K7Ps-z-yAIVBoSQCh35pgaK

      Sim, a imagem está lá. Porém está dela armada, ela com roupa de piloto, ela com a roupa branca original, ela de mercenária e por aí vai. Sim, existe as versões sexualizadas, mas não é a única.

      Ok, você pode argumentar que é a imagem mais forte dela na cultura pop, porém temos que observar o contexto: toda vez que a imagem da princesa Leia com o biquini metálico é utilizada é como a realização da fantasia do homem nerd (duas cenas que me vêm a mente: Rachel e Ross em friends e uma cena da Yvonne Strahovski em Chuck, numa festa a fantasia). Ainda assim as duas coisas que mais fazem referência a ela são o seu penteado de headphone e a frase “Help me, Obi-wan. You’re my only hope”.

      Mas numa coisa eu concordo: essa imagem da Slave Leia é excessivamente sexualizada fora do fandom. Por isso que eu sou a favor de limitar (não banir, limitar) imagens da personagem num contexto sensual desnecessário (porque se não serve a história, é desnecessário) e incentivar mais outras versões dela. Sem banimentos.

      E sobre a nova geração, eu não me preocuparia com ela por enquanto. Nem sabemos quanto tempo de cena (ou em quantos dos 3 filmes) Leia terá.

  • ricardo santos
    • Henrique Assis

      Duas épocas diferentes, vai. A Carrie Fisher recomendou isso porque na época ela acabou (não a personagem, a atriz) sendo reduzida a isso.

      Isso não rolaria hoje primeiro porque o contexto social não permite, segundo porque essas atrizes conseguem gerenciar melhor suas carreiras e terceiro por causa disso:

  • André Anlub®

    O texto mostra como as imagens de um fantástico filme podem – na maioria das vezes – influenciar no pensamento de uma criança, podendo levá-la – no futuro – já adulto – a ver as mulheres de uma maneira X ou Y. Parabéns pela sagacidade do texto! Que a força esteja com todos.

  • Conhecendo aquele pessoal como eu conheço, não duvido que isso tenha vindo das floquinhas feminazis do Tumblr.

  • Gabriel Maciel Campanini

    Os filmes continuam lá, pra quem quiser assistir. Só a Disney que decidiu parar de vender action figure de uma personagem tão boa num momento de fan service pra adolescente punheteiro.

    “Ah, mas foi o Jabba que colocou ela lá, e ele é o vilão e mimimi”.

    Isso faz tanto sentido quanto dizer que um action figure mostrando o Comissáro Gordon todo fudido de A Piada Mortal é uma boa ideia porque “foi o Coringa que deixou ele desse jeito, e ele é o vilão”.

    Agora, se você não entende isso, pode ficar preso no tempo, chorando no seu blog, para sua meia-dúzia de fakes puxa-sacos, enquanto o mundo anda pra frente.

  • cloverfield

    Esse fim de semana passou todos os filmes de Star Wars.
    Minha mulher finalmente parou pra ver comigo e foi nessa hora que eu apresentei a princesa Leia “chuta-bundas” Organa.
    Ela ficou fascinada com uma história em que uma mulher mostra que não teve medo nem do Próprio Darth Vader.
    Mais uma fã da saga.

    • Dr. Bruce Banner

      Massa cara. Somos do “Salão dos Homens que Tem Mulheres Que Gostam de star Wars”.

      • cloverfield

        Pelo menos elas não acham estranho quando a gente compra sabres de luz pra brincar com nossos filhos.

        “Eu sou seu pai.”

  • Flavio

    Daqui a pouco vão banir os Goonies por incitar a desobediência juvenil

  • Marco Bomfim

    Desculpe baixar o nível, caí nesse blog de supetão e estou cagando veementemente sobre o questiomento sobre a macabra sexualidade da action figure da Leia, pra tudo isso evoco um belo FODA-SE. Hoje em dia ensinam as crianças a questionar sem dar margens as opiniões das mesmas, haja vista que todo e qualquer discurso que etoa da boca dessa juventude é fabricando, logo, cago novamente. Contudo o que mais me intrigou no seu texto foi que você disse que viu no “Cine Paz”? Seria em Duque de las Caixas? Acredito que essas perguntas que proferi são muito mais fáceis de responder, um abraço e PS: belo texto

  • Fernando

    “Dizer que a Slave Leia é fan service para homens é.. ridículo.”
    Como você é ingênuo, rapaz…

  • NickEllis

    Assino embaixo. Viva Leia The Hutt Slayer.

  • Rodrigo A. Sena Pereira

    Tô copiando parte do que escrevi lá no Omelete:

    Agora lançam nova versão de Star Wars, com nova dublagem e sem a Leia de biquini, sem o beijo dela no irmão (incesto ??) e com novos efeitos.
    E eu que quero a versão intocada com o Anakin velho junto do Obi
    Wan e Yoda (marionete viu Valdisney, não CGI, Seu JorgeLucas) no final do ep VI nadinha…
    Só aquela merda do Anakin novo… pult@ ke partiu

  • Hodor

    Hodor

  • Ilbirs

    Simplesmente fantástico esse texto e, quando leio um idiota querendo que esqueçamos do biquíni de Leia, apenas sei que é algum justiceiro social que, tal qual qualquer gente desse tipo, faz críticas baseado naquilo que não viu e no contexto que não reparou.

  • Marcos Alano

    Mas stormtroopers não são clones, ok? Clones são clones. Stormtroopers são assalariados que não acertam um tiro.

  • Henrique Kopezynski

    Parei de ler no “os storm troopers eram clones” essa mula não a diferença entre as tropas de clones (clone troopers(episódios 1, 2 e 3)) e storm troopers episódios (4, 5 e 6) e ainda vem dizer “tirem suas mãos nojentas da minha infância” faça me o favor.
    Esse escritor não é fan, só é mais um idiota seguindo a modinha por causa do novo filme.

    • Martin Juan

      Opa!! Não conhece o cara. Eu também pensava como você 15 anos atrás, quando brigava feio com ele.

  • Martin Juan

    Tá, Cardoso, eu também estava nessa estreia em 1977, (você sabe porque twittei isso para você desde Uruguai em 17/12/15) claro que eu era um pouco mais velho que você, (tinha 24 anos), e não fui a ver princesas, fui a ver naves espaciais, seres y planetas. Mas de então para cá, depois de muitos filmes e seriados, devo assinar embaixo tudo o que você colocou neste texto. E digo mais, Não precisa ser princesa para matar Aliens Oitavos Passageiros, 2,3 e 4, etc. Basta ser mulher de caráter como todas essas heroínas (Sigourney, etc.) que o cinema americano colocou para agradar a todas essas tias do sapato grande, e nem assim conseguiu parar com os protestos idiotas. Talvez seja por isso que teve que ser um italiano a levar ao cinema a versão colorida do Flash Gordon, onde até que evitou que Dale Arden fosse a dondoca frágil e choradeira dos quadrinhos dos anos trintas. Merece consideração.
    HOJE EM DIA…
    o J.J. Abrams que os pseudo “trekkers” detestam, porque não fez um filme Jornada anos 60 com maquetes e fios para pendurar a Enterprise, fez algo notável: Colocou uma descendente da princesa Leia no comando da situação. Estou torcendo para não morrer antes de ver o que George tem em mente para os anos vindouros.
    E conste AOS MAIS NOVOS que assisti todos os filmes e li todos os livros e quadrinhos relacionados com Star Wars. (Assim como Star Trek, – mas você já sabia disso há mais de 15 anos, que debatemos na Excelsa Lista)
    Voltando ao texto acima, lamento que (me identifico com você) estamos pregando no deserto árido de Arrakis, onde só os Shai-uluds estão para nos ouvir e talvez nos devorar, esses bichos grandes do qual o Sarlacc é uma pequena amostra.
    Não desanime, a civilização avança para o abismo da ignorância, já previsto por Orwell e só poderia nos salvar Zefram Cochrane… Aliás onde será que ele vai nascer?
    Parabéns pelo belo resumo… Retrospectiva brilhante… Aliás, não vou elogiar, você não precisa.
    VL&P

  • Martin Juan

    Hora do Recreio, inteligentes gostarão, menos cultos vão me trollar.
    Tó nem aí.
    Que a Força seja Longa e Próspera!!

  • Das dezenas de fotos postadas para ilustrar o texto, apenas em 4 a Princesa Leia aparece com o bikine de escrava.

    A personagem realmente tem um arco bastante poderoso e interessante no capítulo. É feita de escrava e se livra
    com força e coragem. Aí pegam um tequinho disso, no caso o tequinho mais
    insignificante disso tudo, que não diz nada de bom da personagem, e
    imortalizam em uma imagem para o bem dos tarados.

  • slvn Martins

    Cardoso fabuloso!